Espinhos? Não, minas!

Espinhos da fase do Bubble Man

     Ah, os clichês. Sempre recorrentes, e tão recorrente quanto é a tentativa de fugir dos mesmos. E quer clichê maior do que piadinhas sobre Mega Man morrer em espinhos? É algo tão plenamente difundido e aceito que mesmo pessoas não tão aficionadas na série fazem chacota com esse fato... Ou quase fato, pois existem espinhos dentro da série que não matam instantaneamente. E nem é preciso procurar por jogos obscuros: no castelo do Dr. Cosack em Mega Man 4 é possível encontrar espinhos em cima de  blocos que causam dano mas não matam instantaneamente. Mas não estou aqui para falar dessas exceções, mas da regra. E em especial, alguns exemplos do começo da série.


Isso te lembra alguma coisa?

  A fase do Bubble Man é elucidativa. Com grande parte de sua extensão sendo subaquática, a fase é repleta de armadilhas que misturam a baixa gravidade do ambiente aquático com espinhos. Não é uma fase injusta, longe disso, mas os espinhos não deixam de chamar a atenção. E não apenas pela extensão, mas o formato. Mega Man 2 tem espinhos de formatos variados. Alguns claramente tem o formato (e cor) de grandes espinhos de metal. Mas na fase do Bubble Man eles são diferentes. Ao invés de simples espinhos, temos esferas com espinhos encrustados em suas extremidades. Ao jogador, é nítido que se tratam de espinhos também, e mesmo o mais despercebido vai perceber isso rapidamente ao acertar um deles em um pulo mal calculado. Mas o mais curioso disso é que tal formato lembra muito o de uma mina naval.


Espinhos na fase de Spark Man (revisada):
mesmo fora d'água, o formato foi mantido


     Da mesma forma que existem minas terrestres, existem minas navais que explodem com o toque ou aproximação de outras embarcações. E sim, o formato básico dessas minas é esférico, com hastes no formato de espinhos (e em alguns casos, de antenas). Não pode ser coincidência. Teriam tais espinhos sido feitos inspirados nessas minas? E a razão da morte seria uma explosão geral? Bem, não daria para o NES lidar com tantas explosões simultâneas, mas o formato não deve ser coincidência. Talvez, depois disso, algumas das mortes por espinhos soem menos sem sentido ou desproporcionais.
Share on Google Plus
    Blogger Comment

0 Comentários:

Postar um comentário