Fiction Sphere - O novo jogo baseado em Mega Man


     Mighty No. 9 não foi o primeiro jogo baseado em Mega Man com a proposta de - de alguma forma - reviver algum elemento perdido na série Mega Man. Mas mesmo sem ser o primeiro, foi quem difundiu a ideia. E nessa enxurrada de derivados, o que faz Fiction Sphere ser mais do que apenas mais um? É justamente quais Mega Man ele usou como base. 


Se o vídeo acima não é auto-explicativo o suficiente, eu explico: esse jogo é claramente inspirado nas séries Zero e ZX (visualmente mais ZX , mas os combos lembram mais Zero). Ok, Gunvolt também faz isso, e foi criado justamente pelos criadores dessas séries, mas é nítido que Gunvolt tentou - e conseguiu - criar uma identidade visual própria. Já Fiction Sphere parece querer ser o Mega Man ZX3 que nunca viu a luz do dia. E não apenas pelo visual, mas por várias características do jogo em si. A começar pelos protagonistas. Assim como na série ZX, temos um personagem masculino e um feminino a disposição, e seguindo o que vimos em ZXA, cada um deles tem história e jogabilidade diferentes. Um mundo pós-apocalíptico no qual cidades modernas protegem as pessoas de um mundo caótico, grandes empresas com interesses escusos. Mesmo que ZX/ZXA não necessariamente tenha inventado nada disso, são todas características marcaram esses jogos. Segue abaixo mais imagens conceituais de Fiction Sphere.

Faeble City - Algo me diz que essa torre será o
seu equivalente a sede da Slither Inc.
Fiction Sphere - Lembra ou não um Biometal?
Ratio, um dos protagonistas
Paradox, a outra protagonista
Inimigos comuns
     Se isso tudo não basta para você, o jogo terá oito bosses temáticos. Vai dizer que  a essa altura do campeonato você já não esperava por isso? E sim, os personagens também ganharão novos poderes ao decorrer do jogo. Mas com tantos paralelos com jogos já existentes, teria Fiction Sphere algo realmente seu para oferecer? É difícil dizer, mas a sensação que se tem é de um trabalho bem feito. Aos interessados, o jogo se encontra em campanha no Kickstarter e precisa de pelo menos trinta mil dólares para ver a luz do dia. E sendo franco, quero muito que isso aconteça. 
Share on Google Plus
    Blogger Comment

4 Comentários:

  1. Putz, essa apresentação do jogo está muito pobre, mesmo com o que tem presente lá na página do Kickstarter (poha, eu pesquiso pelo nome do jogo e nem sequer a página do Kickstarter aparece na primeira metade no Google) não tem muita coisa de interesse. Ia falar das animações porém o projeto está em estágios iniciais mesmo, embora eles deveriam ter caprichado mais pois como estão arrecadando dinheiro deveriam fazer alguma coisa visualmente agradável para apresentar. Está parecendo mais um jogo que quer fisgar os nostálgicos por Mega Man do que tentar ser alguma coisa de valor.

    ResponderExcluir
  2. Johan Barradas Capetillo25 de junho de 2017 01:43

    Thank you so much for your words and hope! However, I am pleased to say that all of the stuff you said in this Article is false. For starters, the Combo system is widely different than that from Megaman Zero, as Megaman Zero's stationary combo system is relatively easy to perform and lacks any actual follow ups necessary for an actual true combo. We firmly believe that the ZX and Zero games were good, and as such we respect their respective stories and do not want to try and be "a spiritual successor" to said series. Both for the value of our own game and the value of the Megaman Games.

    In Addition, I am a bit surprised that you did not speak about the phantasms at all (the biological enemies) and you did not mentioned how in the kickstarter we emphasized that "Returning fans of the platforming genre can select Ratio, while beat-em-up fans can play with Paradox. Both will require skill to master! " and given that a beat-em up has a more combat oriented gameplay than that of a Platformer they are not even nearly close to what ZX Advent offered with the same platformer oriented gameplay for their 2 protagonists.

    Thanks for your time.

    ResponderExcluir
  3. Olá, agradeço o comentário e fico feliz com tudo o que ele adiciona. Porém, acho um exagero dizer que o que foi dito no artigo é falso. Confesso que possa ter faltado um comentário sobre que os combos presentes no jogo o aproximam um pouco de um beat-em-up, mas creio que o paralelo com Mega Man Zero seja sim válido. Entendo que o jogo possa não querer ser um "sucessor espiritual" de tais séries, mas por possuir uma identidade visual próxima à deles, muitos o verão dessa forma. E justamente por isso, preferimos comentar sobre os pontos em comum do que as diferenças em si, pois esse ainda é um portal sobre Rockman/ Mega Man afinal. Mas de qualquer forma, agradeço a atenção e desejo boa sorte com o jogo.

    ResponderExcluir
  4. Johan Barradas Capetillo25 de junho de 2017 22:52

    Thanks for the response! We will show more footage later :D

    ResponderExcluir